18 março 2011


439 vezes
a palavra vesga
agachou-se

acamou-se fêmea e foice

439 vezes
a palavra nesga tentou ser mais

não pode:
acalmou-se
mosca sobre a mesa

esperando a morte
vinda pela pazinha de plástico



Ilustração: Vangobot

6 comentários:

Elimacuxi disse...

e eu me acho nessa palavra inquieta...

Nelson G. disse...

Rapaz, isso tudo aqui é impressionante. Deixa eu ir conhecer, que depois te falo.

Ph disse...

Na maioria das vezes, a palavra é fraca, ao contrário do que pensamos...
Abraços!

pedro disse...

muito bom, Rubens, a fera a testa as 439 vezes, tudo muito bom

Kaic Aude disse...

Hehe. Brincar assim com a morte é para poucos. 439... Acho que eu não to nem nas 50, hehehehe.

Abraços.

Enzo disse...

"439 vezes
a palavra vesga
agachou-se"

lindo demais.

abraçon, Nego!

(to trabalhando agora no sebo Casaberta, lembra? onde teve aquela oficina "De Frente com Rubens", de onde escrevo agora, de onde minha gerente acabou de me chamar (irada) de "coisinha", porque eu não consegui tirar um papel de impressora kkkk)