13 julho 2008

Mais uma vez o último da fila. Resolveu resolver essa situação. Viajou até o Paraguai, comprou uma pistola Imbel gc md1 a1 oxidada, 20 tiros. Tornou-se o melhor eliminador de filas do Brasil. Está com planos de melhorar o trânsito. Se Deus quiser, mês que vem retorna ao Paraguai para comprar uma metralhadora AK 47.

4 comentários:

Fernando Rozano disse...

texto que toca fundo em nossa realidade, caótica, que insiste em permanecer ad infinitum. bela reflexão. abraços, Rubens.

Alex Pinheiro disse...

haha,,, futurismo caótico que me conectou com Rimbaud no amor às armas de fogo,,, rs

Abraços e contemporâneas invenções!

Cibele Cambuci disse...

é esse pró-ativismo que falta no Brasil!
(e que sobra no Paraguai rsrs)
bjus

nowaitwait disse...

são paulo agradece.