04 março 2008

Às palavras dos amigos...

Alguns amigos falaram em seus blogs do meu livro 'Aço e Nada'

a eles, agradeço com profundezas,

a vocês, que vieram hospedar-se nessas paragens, convido a conhecê-los, para além do que falaram do meu livro... Em cada uma destas casas há um mundo de poesia e deslumbramentos.

Edna Battaglini, Vendaval com Poesias

Alex Pinheiro, InventO

Felipe Damo, Os textos que não mostrei pra ninguém

Enzo Potel, Conto de Facas

2 comentários:

CeciLia disse...

Rubens

acabei de deixar uma não-resenha sobre Aço e Nada lá no Lua.

Fica com deus e boa semana.

Cecilia

vendaval com poesias disse...

Caro Rubens

Falar do indizível é
complicado, assim me senti após ler Aço e Nada, faltou-me palavras,
tentei, mas faltou muito mais,
como eu poderia expressar a sensação que fizeram-me voar com o vento,as lágrimas que derramei em sentir a
dureza das pedras...
Vc é merecedor
do nosso carinho,saiba que foi de coração, mesmo sendo tão humilde minhas palavras...obrigada por nos mostrar o paradoxo do viver
a pureza e a dureza do viver nos
seus contos,

abraços