12 junho 2007

Guindaste

preparo ceias
cheias de veneno e púrpura

elevo meus dias
ao preço da solidão descarnada

desencarno
e pássaro ao outro lado
® Rubens da Cunha
Ilustração: Dilberto de Assis

4 comentários:

Guilan disse...

por que pássaro?

anjo disse...

pela minha leitura, pássaro porque ao desencarnar passa-se ao outro lado (morte, céu, outra vida).

gostei! =)

abraço,
Í.ta**

Fabio Rocha disse...

Quintanesco esse verbo passarar ;)

Nise Toledo disse...

São belos teus versos, sentidas e doidamente doídas cada palavra.
Obrigada.
Ivanise