27 março 2006

Dentro

Tantos olham-me.
Tantos colhem-me imaturo.

Tenho por eles o que faço por mim:
saídas laterais,
rotas de cobiça,
fingimento de boca.

Dentro, a palavra-exílio
intensifica meu exercício de poeta.

® Rubens da Cunha

11 comentários:

douglas D. disse...

olá,
permita-me uma variação...

FORA
Minimizei primaveras.
Escondi girassóis.
Percorri preces.
Emudeci auroras.
Fora, a fundura-devoção
cauteriza os sonhos que ficam.

abs.

TMara disse...

nos olhares,dos olhares a maior parte vazios, os outros analíticos: k pode dar? k vantagens tirarei...
olhares desses só podem colher algo imperfeiro logo imaturo pk a totalidade lhes escapa, pelas saídas laterais ou frinchas de luz.
Bjocas,
Luz e paz em teu caminhar.
Boa semana

Anônimo disse...

Também guardo minhas rotas de fuga à alheia cobiça das pequenas e boas liberdades.

Abraço

jóia disse...

Dentro, a palavra_Amor
intensifica meu exercício..
de mulher.

Cristiano Nagel disse...

fingindo ser eu mesmo, continuo.. a me auto-exilar... sempre...

Amers[marcas]em Cabochard... disse...

Antes de colher-te imaturo...fico em silêncio...aguardando...contemplando...aprendendo...teu amadurecimento...bj

lewisgilbert92717102 disse...

Do you want free porn? Contact my AIM SN 'p1nkn3ss' just say 'give me some pics now!'.

No age verification required, totally free! Just send an instant message to AIM screen name "p1nkn3ss".

Any message you send is fine!

AIM abuse can be reported here.

TMara disse...

hospedei-me, paro agora, mas volto.Bjocas

Fabio Rocha disse...

Escrever é se isolar, mesmo querendo o oposto... Abraços

Valéria disse...

tava pensando aqui no quanto podem ser solitários o pensar e o sentir... e, em alguns casos, o consequente "poetar", mas devia ser o contrário...pq significa ampliar e ampliar devia agregar...
um beijo

TMara disse...

hospedei-me, depois da ausência e fiquei quieta no jardim das palavras. Densas e perfumadas, algumas com o perfume do desespero k esta vida ora nos aporta.
Mas fui ficando e dei um salto ao novo jardim k referes no ultimo post.
O k dizer, senão k sabe bem vomtar e estar aqui. Quedar-me na densidade das palavras, das emoções?
Bom f.s Bjs. luz e paz em teu caminhar